Inscreva-se na nossa Newsletter

    Desejo receber e-mails sobre

    aceito Li e aceito os termos de uso e de privacidade *
    * Campos obrigatórios
    Disponível no:
    Termos de uso

    You won't be able to dismiss this by usual means (escape or click button), but you can close it programatically based on user choices or actions.

    fechar

    Termos de privacidade

    You won't be able to dismiss this by usual means (escape or click button), but you can close it programatically based on user choices or actions.

    fechar

    Quero Investir

    Preencha os dados para ver as formas de investimentos:

      aceito Li e aceito os termos de uso e de privacidade *
      * Campos obrigatórios

      IBOVESPA SOBE COM AJUDA DE VAREJISTAS, POR OTIMISMO COM FGTS

      SÃO PAULO – O principal índice da bolsa paulista encerrou esta quarta-feira com leve alta, após quatro dias no vermelho, com papéis de varejistas em destaque, em meio ao otimismo com a sinalização de que o governo pretende liberar saques de recursos do FGTS.

      O Ibovespa teve variação positiva de 0,08%, a 103.855,53 pontos. O volume financeiro da sessão somou 32,79 bilhões de reais, em dia marcado pelo vencimento dos contratos de opções sobre o Ibovespa e do índice futuro.

      O presidente Jair Bolsonaro confirmou, na Argentina, que o governo anunciará esta semana a liberação de recursos de contas do FGTS para trabalhadores. Mais cedo, o ministro da Economia, Paulo Guedes, disse esperar que sejam liberados 42 bilhões de reais com a medida. [L2N24I190]

      Ações de empresas de consumo estiveram entre as líderes de ganhos. Em relatório, o Credit Suisse afirmou que a liberação dos recursos deve ajudar companhias de shopping centers, mas pode afetar os planos de crescimentos de construtoras com foco na baixa renda.

      Em outra frente, o Bank of America Merrill Lynch previu aceleração no crescimento dos lucros das empresas do Ibovespa nos resultados do segundo trimestre, em meio a uma menor base de comparação, preços mais elevados de commodities e menores custos de financiamento.

      O gestor Werner Roger, sócio-fundador da Trígono Capital, destacou que o mercado está “de lado” desde a aprovação da reforma da Previdência em primeiro turno na Câmara dos Deputados. “Ficou meio sem notícias… O mercado agora está aguardando a temporada de resultados que vai começar.”

      Entre as empresas com ações na composição do Ibovespa, Cielo abre a safra de balanços do segundo trimestre na próxima semana.

      No mercado externo, Wall Street encerrou com os principais índices em baixa, com preocupações sobre o embate comercial entre Estados Unidos e China e apreensões sobre o equilíbrio entre política monetária e crescimento.

      Inscreva-se na nossa Newsletter

        Desejo receber e-mails sobre

        aceito Li e aceito os termos de uso e de privacidade *
        * Campos obrigatórios
        Disponível no:
        Termos de uso

        You won't be able to dismiss this by usual means (escape or click button), but you can close it programatically based on user choices or actions.

        fechar

        Termos de privacidade

        You won't be able to dismiss this by usual means (escape or click button), but you can close it programatically based on user choices or actions.

        fechar

        Confira as entidades que a Trígono Capital apoia: