Inscreva-se na nossa Newsletter

    Você já investe?

    Desejo receber e-mails sobre

    Li e aceito os termos de uso e de privacidade *

    * Campos obrigatórios

    Disponível no:
    Termos de uso

    You won't be able to dismiss this by usual means (escape or click button), but you can close it programatically based on user choices or actions.

    fechar

    Termos de privacidade

    You won't be able to dismiss this by usual means (escape or click button), but you can close it programatically based on user choices or actions.

    fechar

    Quero Investir

    Preencha os dados para ver as formas de investimentos:

      Você já investe?

      aceitoLi e aceito os termos de uso e de privacidade *

      * Campos obrigatórios

      IMagem destaque

      The Good, the Bad and the Ugly.

      Prezados leitores e investidores,

      Talvez alguns aficionados pelo chamado western spaghetti tenham reconhecido o título e imediatamente lembrado da inesquecível trilha sonora de Ennio Morricone* (1928 – 2020). Foi justamente do universo dos filmes de faroeste que veio esse título. No Brasil, o filme se chamou “Três Homens em Conflito” (1966), o último da trilogia formada com Por um Punhado de Dólares (1964) e Por Uns Dólares a Mais (1965), todos do genial Sergio Leone (1929 – 89).

      Como de costume, títulos alusivos ao mundo da cultura (erudita ou popular, nos agradam ambas) servem como introdução de elementos que usaremos como apoio para apresentar nossa visão dos cenários econômico e financeiro. E sempre fazemos uma (breve) exposição sobre esses elementos culturais. Vamos a ela, então.

      O tal western spaghetti é um gênero de filmes nascido na Itália da década de 1960 — mas o nome foi criado nos Estados Unidos mesmo. Eram filmes de baixo orçamento, com atores que ainda não eram as estrelas, mas que se tornariam uns anos à frente. Clint Eastwood, por exemplo, é o nome mais associado a tais westerns — e já no início da década de 1970 se tornaria astro com “Perseguidor Implacável” (1971), que introduz o icônico personagem “Dirty” Harry Callahan.

      Os “três homens” do título do filme de Leone são Blondie (Eastwood — o “Good”), Angel Eyes (Lee Van Cleef — o “Bad”) e Tuco Maria (Eli Wallach — o “Ugly”). A história se passa em 1862, durante a Guerra de Secessão (1861 – 1865), no Estado do Novo México. Os três formam parcerias tensas entre si para encontrar um tesouro dos Confederados (Estados do sul que lutam para manter o escravagismo nos EUA). Tuco e Blondie têm, cada um, parte da informação sobre onde o tesouro estaria enterrado — mas não se entendem, ora são aliados, ora se odeiam. Angel Eyes não tem nenhuma informação; ele se une ao time de olho em, depois de encontrado o tesouro, ficar com tudo.

      “Ok, Werner — agora explique o que isso tem a ver com as finanças.”

      Vamos lá. Muitos investidores estão felizes com os ganhos da renda fixa (…)

      Baixe a resenha na íntegra, clique aqui.

      Logotipo trigono
      Inscreva-se na nossa Newsletter

        Você já investe?

        Desejo receber e-mails sobre

        Li e aceito os termos de uso e de privacidade *

        * Campos obrigatórios

        Disponível no:
        Termos de uso

        You won't be able to dismiss this by usual means (escape or click button), but you can close it programatically based on user choices or actions.

        fechar

        Termos de privacidade

        You won't be able to dismiss this by usual means (escape or click button), but you can close it programatically based on user choices or actions.

        fechar

        Confira as entidades que a Trígono Capital apoia:

        Logotipo Sitawi
        Logotipo hospital do amor
        Logotipo Tenyad
        X